TAGS SETÚBAL - FOTOS SETÚBAL - ICONES SETÚBAL - MAPAS SETÚBAL - ONTEM

Rio Sado Docas
  
Doca de Pesca


Coordenadas geogrficas - voltar ao inicio...

Fotografias - voltar ao inicio...
  • Ver slideShow


Morada - voltar ao inicio...

Localizao - voltar ao inicio...
     
   ampliar mapa Ecr completo (Full Screen)

Dados Histricos - voltar ao inicio...
  • Os primeiros projectos

    O primeiro projeto de obras no porto de Setbal data de 1793. Tratava-se de uma doca ou caldeira, projetada pelo coronel Chermont, destinada a dar abrigo a pequenas embarcaes, localizada entre os baluartes do Livramento e da Conceio.

    Somente em 1836, a Cmara Municipal de Setbal atribui a um particular a concesso da construo da primeira doca, localizada junto foz da Ribeira do Livramento, a designada Doca Delpeut. Esta doca constituiu durante um sculo o nico abrigo de que o porto dispunha para pequenas embarcaes.

    As obras de 1930 a 1934

    A necessidade de criao de um organismo prprio para a execuo das obras do porto reconhecida a 18 de dezembro de 1923 com a aprovao da Lei n 15/7 que criou a Junta Autnoma das Obras do Porto e Barra de Setbal e do Rio Sado.

    As obras do porto foram adjudicadas em 27 de junho de 1930 Hojgaard & Schultz, de Copenhaga, com a colaborao para os trabalhos de dragagem da Van den Bosch & De Vries, de Ultrecht.

    O lanamento da primeira pedra realizou-se em cerimnia solene a 28 de julho de 1930, aproveitando a visita do Presidente da Repblica e de membros do governo, por ocasio da Exposio Regional do distrito e da inaugurao da luz eltrica na cidade.

    As primeiras grandes obras do porto de Setbal decorrem de 1930 a 1934 e beneficiaram do programa de investimentos da Primeira Fase do Plano Porturio, segundo projeto do Eng Cid Perestrelo. Estas obras contemplaram:
    A regularizao da margem direita do rio (4km) entre a Vila Maria e Albarquel;
    A construo de 2.170 metros de taludes empedrados, destinados a pequenas embarcaes;
    O aterro da antiga Doca Delpeut e o prolongamento da cobertura da Ribeira do Livramento;
    Os terraplenos numa rea total de 600.000 m2;
    A construo de 3 docas destinadas, respectivamente, ao apoio da pesca, do recreio e do comrcio.

    fonte: APSS